Oficina de Dixieland

Esta oficina foi desenhada de forma a contemplar oportunidades de profissionalização de jovens músicos da região de Viseu e tem como objetivo principal habilitar os participantes no âmbito do estilo musical dixieland. Para além do repertório arranjado por Leonardo Outeiro, são também exploradas técnicas de improvisação. Os participantes integrarão desta forma a rubrica JAZZ NA RUA da 8.ª edição do festival Que Jazz É Este? num coletivo que conta com os músicos Leonardo Outeiro e Miguel Rodrigues.

HORÁRIO: 13 a 17 de julho, 2020. Das 10h00 às 13h00

ONDE: Gira Sol Azul  –  Estrada Velha de Abraveses, Bairro S. João das Lameiras lote 5 r/c. 3510-204 Viseu

PÚBLICO-ALVO: Músicos e estudantes de música de sopros e percussão (12-25 anos) da região de Viseu

INSCRIÇÃO: A inscrição é gratuita, mas sujeita a seleção.

SELEÇÃO: Os interessados devem enviar até 10 de julho um vídeo no qual interpretam uma peça de livre escolha (mínimo de 1 minuto)

APRESENTAÇÕES: 22 de julho, 12 e 26 de agosto, 9 e 30 de setembro

Serão proporcionadas todas as condições de higiene e segurança no âmbito do contexto atual e segundo as normas da DGS.

Sobre Leonardo Outeiro

Nasceu a 17 de novembro de 1991 e foi só com 16 anos de idade que descobriu a guitarra. Iniciou formalmente os estudos ao ingressar no Conservatório de Música da Jobra onde se destacou por ter ganho o prémio de “Melhor Combo” na Festa do Jazz do São Luiz e também pela sua composição de final de curso, que foi avaliada em 19 valores.
Concluído o conservatório, entrou em primeiro lugar na Escola Superior de Música de Lisboa. Foi durante os anos que lá esteve que a sua atividade se ramificou, levando-o a iniciar projetos na área do cinema e teatro. Foi diretor musical de vários filmes e séries. Entre elas está “Lojas com História”, à qual foi atribuído o prémio “Digital Media” da SAPO. Recentemente concluiu os módulos de banda sonora no Curso Cinemalogia e frequentou o Curso de Animadores Musicais da Casa da Música.
Está envolvido em vários projetos musicias, como Aurora Brava, Oh Yes, Pigs Can Fly! e Fanfarra Fárróbódó.

Sobre Miguel Rodrigues

É descrito na jazz.pt como “…uma das mais sólidas promessas do jazz nacional”. Miguel Rodrigues nasceu a 1994 em Viseu, onde iniciou os seus estudos musicais.
Concluiu o Curso Profissional de Instrumentista Jazz (nível IV) no Conservatório de Música da Jobra onde estudou com André Fernandes, Carlos Mendes, Demian Cabaud, Jesus Santandreu, Luís Figueiredo, Marcos Cavaleiro, Mário Costa, Paulo Perfeito, entre outros.
Integrou a banda vencedora do concurso de escolas da 11.ª Festa do Jazz do S. Luiz, arrecadou o 2.º lugar no Prémio Jovens Músicos em 2016 e em 2019 ganhou um apoio à criação e à edição discográfica da jazz.pt, no âmbito do open call “Cena Jovem” de onde resulta o seu primeiro disco “Empa” com Demian Cabaud no contrabaixo e José Diogo Martins no piano.
Já teve a oportunidade de tocar com Albert Cirera, António Zambujo, Carlos Bica, Demian Cabaud, Elisa Rodrigues, Jorge Palma, Miguel Araújo, Xosé Miguelez e muitos outros.

Inscrição